Vai valer a pena! Um depoimento sobre meia-maratona

Vai valer a pena! Um depoimento sobre meia-maratona

Todo mundo  que começa a treinar, no fundo, se prepara para para um grande momento. O seu momento. Algo que o faça sentir-se vivo e que faça valer a pena cada segundo. Esse é o meu momento, meu esporte: a corrida.

Minha aventura na corrida não começou há muito tempo e foi um mundo que conheci meio que sem querer, há pouco mais de um ano, quando um amigo publicou fotos da Corrida do Sol. Naquele mesmo dia, por curiosidade, resolvi pesquisar sobre as provas de São Paulo e descobri uma infinidade de corridas.

Eu passava por um momento em que o desânimo com a vida pessoal estava forte e acredito que o desafio foi o que me atraiu.

Resolvi me inscrever para o Circuito das Estações que seria em março do ano passado e decidi que enfrentaria logo de cara os 10km. Como eu praticava KungFu achei que seria super tranquilo, mas foi um pouco mais difícil do que eu pensei: não tinha ainda consciência de que são atividades distintas e que exigem preparos diferentes e dedicação.

Mesmo assim me apaixonei logo na primeira corrida. O clima entre os corredores, a parceria, a sensação de superar seus limites e conseguir completar um percurso é maravilhoso! Só quem corre sabe!

Encantei-me tanto que tentava motivar todos meus amigos a correrem também. E esse é um obstáculo que muitos corredores enfrentam já que os amigos não veem a corrida da mesma forma que você. A adesão à corrida demora um certo tempo, até que você percebe que a corrida é algo pessoal e que, se você não aceitar isso, acabará desistindo de correr.

No inicio o fato de correr sozinha me frustrava um pouco, mas depois fui percebendo o quanto correr era importante para mim e o quanto me fazia bem. Aos poucos também notei que alguns amigos começaram a aceitar melhor a ideia da corrida e é muito bom saber que semeei uma vida mais saudável para os que amo.

Comecei então a me inscrever para outras provas durante o ano e a melhorar meu tempo a cada corrida. Até que, em minhas pesquisas, encontrei a Meia Maratona de Floripa. Sempre sonhei em conhecer essa cidade, mas a oportunidade não tinha chegado. Quando vi o quanto os corredores elogiavam esse percurso decidi que esse seria meu desafio principal. Realizaria dois sonhos em um!

No final de 2012 pedi ajuda para meu irmão, que é personal trainer, e com uma planilha que reunia diversas atividades até a véspera da meia maratona, comecei meus treinos. Tive que administrar a correria e o cansaço do trabalho e da pós-graduação, mas ainda assim consegui seguir o planejado e continuar a prática do kung fu, que sempre me ajudou a manter o equilíbrio e a aliviar o stress do dia a dia.

Confesso que pensar em correr 21km no inicio me assustava um pouco. Você acaba duvidando do que é capaz em alguns momentos, mas aprendi com a corrida que somos muito mais fortes do que imaginamos e podemos ir muito além do nosso objetivo.

Finalmente em junho desse ano resolvi viajar sozinha mesmo e encarar minha primeira meia maratona: reservei hotel, comprei a passagem e fui determinada a aproveitar o final de semana em Floripa.

Depoimento sobre meia maratona

Realmente a corrida é perfeita como falam. A cidade e os moradores são excelentes e a paisagem que acompanha cada quilômetro dá mais e mais forças para seguir em frente.

Resolvi que não forçaria o ritmo já que essa era minha primeira meia maratona e pelo medo de me machucar estando sozinha, mas a endorfina que o evento provoca fez com que eu me sentisse tão bem que os quilômetros passavam com muita facilidade.

Quando cheguei aos 20km comecei a me emocionar! Naquele instante a ficha caiu e percebi que eu realmente completaria uma meia maratona! É uma sensação indescritível: dá vontade de chorar, de sorrir, de gritar!

Você se sente forte, capaz. É o momento em que você vê o resultado de toda sua dedicação e seu trabalho! É o momento de ver que seu objetivo foi atingido! É uma experiência que recomendo a todos!

Ainda fiquei muito feliz com meu tempo. Esperava levar mais de 2h30, mas consegui completar o percurso em 2h19 e com uma certeza: ano que vem estarei lá, em Floripa, para melhorar meu tempo!

É como diz a frase que estampei na camiseta da meia maratona de Floripa (e que sigo como filosofia de treinos e de vida): “Não é que vai ser fácil… é que vai valer a pena!”. E realmente cada minuto, cada quilômetro percorrido… valeu muito a pena!

 
Daniela Santiago 
Analista de RH por profissão
Lutadora de Kung Fu e corredora por paixão
banner post

Sobre o Autor

Hora do Treino melhor hora do seu dia. Queremos fazer parte da sua evolução, rendimento e saúde, através de informação de qualidade, novidades e produtos. Conheça nossa loja: Clique aqui

Artigos Relacionados