Yoga – você deve fazer em algum momento da sua vida

Yoga – você deve fazer em algum momento da sua vida

Que imagem vem a nossa mente quando pensamos em Yoga? Com certeza algo como na foto acima! Contorcionismo? Pessoas sem ossos? Gente sem coluna? Brincadeiras à parte, gostaria de apresentar a Yoga de outra maneira: uma forma onde nós, simples mortais, podemos praticar!

Yoga é para todos

A Yoga tem objetivos claros: tornar o Ser mais equilibrado através de movimentos (asana é o nome) e técnicas de respiração (pranayamas). Só isso. Juro, só isso.

E as pessoas borrachas? Resposta: é preciso que ser corredor profissional para participar de uma corrida? Ou ser jogador de futebol com mil gols para jogar uma partida com os amigos? A ideia é que obteremos benefícios certeiros se praticarmos essa atividade dentro das nossas limitações.

B. K. S. Iyengar, um iogue ainda vivo na Índia, tem vídeos com apresentações de asanas com pessoas sem parte da perna e braços amputados. E ele tem solução para tudo.  Iyengar acredita que Yoga é para todos.

Aproveitando o ensinamento do experiente iogue, eu indico para todos nós.

Coluna sem flexibilidade? Já vi pessoas praticando em uma cadeira! Existe solução até para joelhos com condromalacia (experiência própria!).

Por que fazer Yoga?

O primeiro e, acredito, o mais importante dos argumentos, é bom para sua saúde mental e emocional. Yoga acalma e reequilibra seus sentidos. Mesmo que você adore uma vida agitada e curta baladas com música bem alta, precisará dessa atividade em algum momento da sua vida.

Talvez naquele momento em que suas mãos começarem a tremer e você já não controle mais o volume da sua voz, você sinta que precisa desacelerar… Pode continuar com as baladas e adicione uma vez na semana uma aulinha de Yoga. Tudo se ajeita.

Alongamento Yogaefeito anti estresse da prática é praticamente imediato. O ambiente para a prática, a ausência de música ou os quase inaudíveis sons da natureza que se aplicam durante as aulas restabelecem os sentidos tão agredidos durante um dia normal em qualquer cidade urbana.

Voz baixa, paredes com poucas imagens, respiração e algum silêncio farão seu corpo recuperar-se dos excessos e irão prepará-lo para a continuidade da vida, já que, como diz um amigo, “amanhã tem mais”.

Além do efeito reparador dos sistemas corpóreos, a Yoga é considerada um exercício muscular, já que existem força, equilíbrio e resistência nos movimentos. Só não substitui a corridinha nem as pedaladas, mas o trabalho “localizado” é feito de maneira moderada e eficiente. Ninguém ficará “volumoso” com a prática, mas forte e resistente, com certeza!

E, obviamente, flexibilidade é uma qualidade muscular que melhora muitíssimo com aulas de Yoga. Vide foto com toalha e pense se você consegue ficar nessa postura por 1 minuto. Consegue? Então já pode fazer!

Para você que tem pouco alongamento (aquela imagem ali em cima é difícil de sair da cabeça, eu sei…), saiba que existem materiais de toda a natureza para ajudar na prática da Yoga. Bloquinhos e faixas ajudam nas posturas que exijam mais do aluno.

Mas isso é Yoga? Sim! Cada praticante executará da maneira que seu corpo permitir. Respeito por si mesmo é um dos ensinamentos da antiga arte indiana.

Há muitos outros benefícios decorrentes da prática. Todos positivos e restauradores da saúde da física, mental e espiritual.

Permita-se experimentar uma aula de Yoga. Procure um professor que compreenda suas limitações e as respeite. Você com certeza incluirá essa prática na sua rotina, em breve ou em algum momento da sua vida.

Namastê

Sobre o Autor

Fomos arquitetados para o movimento. Não há sentido em ficar sentado o dia todo!