Os principais esportes que fortalecem a mente

Os principais esportes que fortalecem a mente

É de conhecimento de todos que os exercícios físicos são fundamentais na rotina de qualquer pessoa, independentemente se for atleta ou não. Mas, além de procurar por esportes que fortalecem as pernas, os braços e o coração, também é importante buscar a prática por esportes que proporcionam grandes ganhos à mente.

Como aumento na capacidade de concentração, aprimoramento do pensamento crítico e tantos outros benefícios relacionados.

Benefícios do esporte para a mente

Em 2008, um estudo feito pela Universidade de Chicago mostrou o quanto os esportes podem influenciar positivamente no cérebro das pessoas. Os pesquisadores da universidade norte-americana estudaram 12 jogadores profissionais de hóquei no gelo, oito fãs desse esporte e nove pessoas que nunca assistiram ou jogaram a modalidade.

No estudo, imagens funcionais por ressonância magnética mostraram que uma região do cérebro, geralmente associada a ações de planejamento e controle, é ativada quando jogadores e fãs ouvem conversas sobre seu esporte.

O estímulo do cérebro auxilia atletas e fãs a compreenderem as informações sobre o esporte, mesmo que, no momento em que as pessoas ouvem determinada linguagem esportiva, elas não tenham intenção de agir. Além do mais, o estudo revelou que o cérebro de um adulto pode ser mais flexível do que se pensava anteriormente.

“A experiência de brincar e assistir esportes tem efeitos duradouros na compreensão da linguagem, alterando as redes neurais que suportam a compreensão para incorporar áreas ativas na execução de habilidades esportivas”, disse Sian Beilock, professora de psicologia na Universidade de Chicago.

“Isso mostra que participar de uma atividade explora as redes cerebrais normalmente não associadas à linguagem, o que melhora a compreensão da linguagem relacionada a essa atividade” acrescentou Beilock.

Embora a maioria dos voluntários compreendessem a linguagem sobre atividades normais do dia a dia, os atletas de hóquei e os fãs se saíram melhores que os novatos no entendimento da linguagem relacionada ao hóquei. Ainda, os resultados também mostraram que praticar esportes, ou até mesmo assistir, produz uma conexão mais forte dessa linguagem.

Esportes individuais que fortalecem a mente

Reconhecido como esporte da mente pela Federação Internacional dos Esportes da Mente (IMSA) desde 2010, o poker, por exigir bom nível de estratégia e estimular a mente inúmeras vezes em diferentes situações, incentiva o processo de renovação das conexões neuronais.

Para quem nunca praticou esse esporte da mente ou ainda não sabe muito bem as regras, uma boa dica é procurar por sites e aplicativos que ofereçam um interessante leque de variações e que tenha uma didática relevante. Uma boa para praticar e aprender diferentes variáveis do poker é o site da Full Tilt Casino.

O clássico xadrez, esporte da mente de infinitas possibilidades estratégicas, desenvolve importantes habilidades mentais utilizadas no cotidiano. Além de melhorar a capacidade de concentração e criatividade, o xadrez, dentre muitos benefícios, aprimora o pensamento crítico e auxilia a resolução de problemas.

A parte interessante é que o xadrez praticamente obriga o jogador a desenvolver habilidades específicas para ser competitivo, e não há outra maneira de conseguir tais habilidades a não ser praticando e estudando muito aspectos estratégicos do esporte da mente em questão. O Chess.com é um dos melhores sites para aprimorar a técnica na modalidade e tem ferramentas de aprendizagem bem didáticas.

fortalecer a menteO tênis, assim como o poker e o xadrez, fortalece e desenvolve a atenção do jogador com relação aos padrões táticos do adversário. E isso também obriga o oponente a pensar em novas saídas táticas. Essa “pressão” envolvida em ambos os lados ajuda a evoluir a capacidade de concentração.

É claro que o fator físico é muito relevante em um esporte como o tênis, mas os próprios jogadores e profissionais da psicologia reconhecem a grande importância de desenvolver um forte lado mental para a prática dessa modalidade em bom nível de excelência.

“Eles (os jogadores de tênis) treinam todos os dias, de quatro a cinco horas diárias. Mas o que prevalece é a cabeça. A hora em que ela falta, o jogador desmorona”, resume o ex-jogador de tênis profissional Fernando Meligeni.

Mesmo que de forma indireta, a prática de esportes voltado mais para o lado estratégico e de tomadas de decisões individuais traz grandes benefícios para a mente e influencia positivamente em atividades cotidianas. Portanto, habilidades mentais são qualidades a serem adquiridas e polidas da mesma forma que um atleta aumenta seus músculos em uma academia.

Gostou? Compartilhe!

Sobre o Autor

Quer mais informações? Ficou com alguma dúvida? Entre em contato! via Fale Conosco