Por que alongar é importante e como deve ser o alongamento?

Por que alongar é importante e como deve ser o alongamento?

Aquela espreguiçada de manhã e boa extensão do músculo após o treino vão te fazer sentir melhor. Por que o alongamento é importante no treino, no dia-a-dia, na reabilitação, na performance e no alívio de dores e estresse? Vamos extender mais esse assunto. 

O alongamento é o exercício que trabalha a flexibilidade muscular e amplitudes das articulações. Com os exercícios de alongamento o músculo sofre um afastamento de suas fibras e ocorre um aumento de sua elasticidade, ganhando assim maior amplitude. (Entenda a diferença de alongamento e flexibilidade)

Por que o alongamento é importante?

Existem vários motivos que torna o alongamento essencial. Mas o mais importante é pelo ganho de flexibilidade. Aumentando sua flexibilidade você evita encurtamento muscular, melhorando a postura e prevenindo lesões.

Ninguém anda com uma postura correta 100% do dia, isso é fato, porém postura inadequada durante muitos períodos provoca encurtamento de alguns músculos.

Exemplo clássico é de quem passa horas digitando de forma inadequada, essas pessoas têm os ombros voltados para frente devido ao encurtamento do músculo peitoral, o que causa também um arredondamento das costas (hipercifose), provocando um desvio da coluna.

Lesões… Existe um senso comum que diz que temos que alongar antes dos exercícios para evitar lesões. Mas está equivocada, o alongamento antes do exercício não previne nada, mas sim o fato de a pessoa ter uma boa flexibilidade.

Hoje, muitos profissionais e academias já não aderem mais o alongamento ativo estático antes do treino (aquele esticando o músculo por 30 segundos). Ao alongarmos um músculo ele provocará um afastamento das fibras, esse afastamento provocará um leve atraso na contração muscular, diminuindo assim sua eficiência.

alongamento
Alongamento evita lesões por estiramentos em movimentos de extensões muito grande

Para atletas em diferentes esportes uma boa flexibilidade vai lhe proporcionar um melhor desempenho, devido ao aumento da amplitude e eficiência da articulação e do músculo. Além de evitar lesões por estiramentos em movimentos de extensões muito grande.

Ganhando flexibilidade

Alongamento após o treino ou em horários separados produzirá um ganho muito maior de flexibilidade e elasticidade do músculo. Algumas dicas para treino de alongamento:

  • alongue o músculo até sentir tensão;
  • média de 20 a 40 segundos em cada posição;
  • evite fazer movimentos curtos repetitivos;
  • sempre respire profundamente nas posições, isso provoca o relaxamento do músculo facilitando o trabalho (não faça apneia);
  • existem posições simples e complexas, evolua gradualmente.

Não tem horário perfeito para fazer exercícios de alongamento, pode ser feito ao acordar, antes de deitar ou durante o trabalho. Com o corpo aquecido a musculatura tem a capacidade de se alongar mais, tornando mais agradável a atividade.

Muitos desses exercícios já são conhecidos e também não são tão difíceis, existem vários tipos de alongamentos, o que confunde um pouco as pessoas é saber qual movimento que alongará tal região. Nesse caso pergunte ao seu professor/treinador, ou pergunte aqui para mim, por que não?

O alongamento também provoca relaxamento muscular e alivio de tensões. Diminuindo o estresse, ansiedade e prevenindo lesões tendinosas como LER. Essa é explicação para empresas colocarem aulas de ginástica laboral para seus funcionários. (Além claro de uma lei que exige isso, mas isso é outro assunto).

Aproveite para esticar os braços e as pernas, respirar fundo, tirar suas dúvidas seguir nossa FanPage e…

Bom Treino

Sobre o Autor

Personal Trainer e empreendedor. Treino é mais do que um vício: é um estilo de vida para mim! Precisando de Personal Trainer? Clique Aqui CREF: 0859033-G/SP