Nutrição > 11 Alimentos que Favorecem a Imunidade

11 Alimentos que Favorecem a Imunidade

alimentos que favorecem a imunidade

Nutrir o nosso corpo com alimentos ricos em vitaminas e minerais, além de substâncias bioativas importantes ajudam a reforçar a imunidade.

Se você busca alternativas naturais para prevenir resfriados, gripes e proteger o organismo contra infecções, confira nossas dicas com 11 alimentos para incluir no cardápio e dar um UP na imunidade.

Veja alguns alimentos que favorecem a imunidade

1 -Frutas Cítricas

Quando falamos em alimentos para imunidade, a laranja é o primeiro exemplo que lembramos, não é mesmo? Este é realmente um ótimo alimento para proteção do nosso organismo, principalmente pela presença de vitamina C.

Esta vitamina está diretamente relacionado ao nosso sistema de defesa, aumentando a produção de glóbulos brancos e anticorpos, células que atuam no combate à vírus, bactérias e outros agentes que podem causar doenças. 

A função antioxidante da vitamina também ajuda na prevenção de doenças e inflamações, por neutralizar a ação de radicais livres.

personal trainer online aplicativo

Apesar de ser a mais conhecida, não é só a laranja ou apenas as frutas cítricas que são fontes de vitamina C, veja outras frutas para variar sua alimentação:

  • Acerola
  • Caju
  • Limão
  • Abacaxi
  • Goiaba
  • Mexerica
  • Kiwi 
  • Morango

2 – Pimentão, Couve, Agrião e Brócolis

A vitamina C está presente em outros alimentos também, não só nas frutas, o pimentão amarelo, por exemplo, contém cerca de 4 vezes mais vitamina C do que a laranja pêra.

Além de diversas outras vitaminas e minerais importantes, esses alimentos fornecem vitamina A, que também auxilia no funcionamento do sistema imune, ela está relacionada a proteção das mucosas (boca, nariz, olhos, pele e intestino), regiões bastante suscetíveis a entrada de microorganismos e outras substâncias causadores de doenças, também atua estimulando a produção e função de células do sistema de defesa.

3 – Chá verde

O chá verde é uma excelente fonte de antioxidantes, em especial a epigalocatequina-galato (EGCG), que além de prevenir a ação dos radicais livres, demonstrou melhora na ação da resposta imune inata à infecção viral em estudo.

4- Alho

Contém as vitaminas A e C, que já vimos a importância na imunidade, mas o grande destaque deste alimento é a presença de alicina, que junto a outros componentes sulforosos, conferem a propriedade de alimento funcional.

O alho estimula a produção anticorpos, além de atuar como um antioxidante natural. Estudos demonstram uma redução do número, duração e da gravidade de infecções do trato respiratório superior.

Dica: consuma o alho cru triturado ou macerado para aproveitar melhor os seus benefícios, a alicina, por exemplo, é perdida durante o aquecimento. 

5 – Gengibre

O chá de gengibre para gripe é bem conhecido popularmente, e essa é realmente uma ótima opção! 

O gengibre possui ação anti-inflamatória, antioxidante, bactericida, antiviral, entre outras que atuam na modulação  do processo inflamatório e do sistema imunológico.

6 – Iogurte com probiótico, Kefir e Kombucha

O que estes alimentos possuem em comum é a presença de probióticos, bactérias vivas que apresentam benefícios ao nosso organismo.

Já ouviu falar que a nossa imunidade está relacionada ao intestino? Isso é verdade! Confira como os probióticos podem favorecer a imunidade:

  • Aumentam a produção de células de defesa
  • Aumentam o número de bactérias boas
  • Inibem o crescimento e induzem a morte de agentes causadores de doenças por competirem pelos mesmos nutrientes
  • Fortalecem a barreira intestinal impedindo a passagem de agentes infecciosos

7 – Castanhas

A castanha-do-brasil (ou castanha-do-pará) é a nossa principal fonte de selênio, um mineral que ajuda melhorar a ação das células de defesa, além de atuar como um poderoso antioxidante.

As castanhas são fontes de vitamina E e zinco, que também favorecem a imunidade e atuam como antioxidantes.

8 – Cúrcuma

Esta especiaria é muito conhecida pela sua atividade anti-inflamatória, mas ela apresenta compostos com ação antifúngica, antibacteriana, antioxidante, antiviral  e atuam na modulação da imunidade.

O principal componente responsável pelos seus benefícios é a curcumina, que não é bem absorvida pelo nosso corpo, para aumentá-la, prefira o consumo junto a pimenta preta ou aquecida junto ao óleo de coco ou manteiga ghee.

9 – Peixes e Frutos do Mar

alimentos que fortalecem a imunidadeAlimentos fonte de zinco, um mineral fundamental para as células do sistema imunológico, ele é necessário em diversas etapas, desde a formação até a ação adequada destas células.

A deficiência do mineral pode levar a queda da imunidade, favorecendo o risco de infecções e doenças, no entanto, também não deve ser consumido em excesso, para não inibir o funcionamento do sistema de defesa.

O consumo em excesso de zinco geralmente ocorre pelo uso inadequado de suplementos, em indivíduos saudáveis, raramente ocorrerá excesso do mineral por meio da alimentação.

Estes alimentos também fornecem vitamina D, mesmo que em pequena quantidade, uma vitamina que está está diretamente relacionada com o sistema imune desde o aumento da imunidade inata (aquela imunidade que já nascemos)  até a  melhora da imunidade adquirida (podemos adquirir ao contrair doenças e pela formação de anticorpos através de vacinas).

A suplementação com a vitamina D pode prevenir  doenças respiratórias em geral, de acordo com estudos.

10 – Peixes e Linhaça

Fontes de ômega-3, um ácido graxo que participa da regulação de algumas células do sistema imune.

Além disso, apresenta ação anti-inflamatória, como a inflamação crônica pode diminuir a ação do sistema imunológico, o ômega-3 atua nessa prevenção.

11 – Geleia Real

Produzida pelas abelhas, a partir do mel, pólen e água ingeridas por elas. Contém vitamina A, vitamina E e vitamina C e os minerais como ferro e zinco que atuam fortalecendo o sistema imune, além de fornecer diversas outras vitaminas, minerais e outras substâncias importantes para a saúde.

Importante

Estes alimentos devem fazer parte de uma alimentação equilibrada e hábitos de vida saudáveis, o consumo adequado de água, dormir melhor e o evitar o excesso de estresse, por exemplo, são essenciais para um bom funcionamento do sistema imunológico.

Consulte um nutricionista para adequar a alimentação de acordo com as suas necessidades individuais.

______

Artigo escrito por Priscila Boaventura,nutricionista registrada (CRN-3 44332) especializada em Nutrição Clínica e Terapia Nutricional. Responsável pelo conteúdo técnico dos sites Natue e Mundo Verde.

Referências:
http://www.saude.gov.br/images/pdf/2017/setembro/11/Monografia-Allium.pdf
https://dspace.uniceplac.edu.br/bitstream/123456789/213/1/Rosangela_Souza_0001524.pdf
http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/seminabio/article/view/17125
http://www.saude.gov.br/images/pdf/2016/fevereiro/22/Monografia-Curcuma-CP-corrigida.pdf
https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-40422015000400538
https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-52732005000200009
https://torino.repubblica.it/cronaca/2020/03/26/news/coronavirus_studio_dell_universita_di_torino_assumere_piu_vitamina_d_per_ridurre_il_rischio_di_contagio-252369086/?ref=RHPPTP-BH-I252331136-C12-P3-S4.4-T1&refresh_ce
https://www.jacionline.org/article/S0091-6749(13)02780-2/fulltext