Os perigos da atividade física para saúde

Os perigos da atividade física para saúde

Existe riscos no treino? Será que a sua atividade física diária pode ser perigosa para você? 

Sou defensor de todos os métodos de treino e  esportes. Quem me conhece sabe que sou favor de atividades para todos os indivíduos, sem restrições. Mas existem sim métodos e treinos que podem colocar sua estrutura física, psicológica e até mesmo a sua vida em risco.

Nessa primeira parte, pretendo mostrar como o treino pode ser perigoso para quem tem problemas de saúde como colesterol alto, diabetes, hipertensão, problemas cardíacos, entre outros. Também quero mostrar como a atividade física pode ser benéfica ou não para essas pessoas.

Li uma matéria antiga na Revista Exame, com o seguinte titulo “Nem todo mundo se beneficia com atividade física”, essa é uma informação que infelizmente pode ser verdade.

Mas isso seria por causa do treino? Sim, mas devido há um treino errado, sem as devidas instruções, controles, mensurações e monitoramentos. Você pode sim estar colocando sua vida em risco.

Aqui no HdT, eu já mencionei sobre a atividade física para diabéticos e para asmáticos. Cada pessoa deve ter um trabalho e um acompanhamento diferenciado. Um controle diferente, que devem ser feito constantemente.

Já tive alunos com problemas de hipertensão e problemas cardíacos, se eu não controlar a intensidade, o volume, mensurar os fatores eles não terão os benefícios do treinamento e ainda posso estar colocando a vida deles em risco.

Para recuperação de lesão também devo me preocupar com a intensidade, com o volume, com o movimento e o exercício, para uma rápida recuperação e eficiência do membro lesionado.

Será que as pessoas têm essas preocupações? Será que os professores estão preparados para esses indivíduos de modo que possam ajudá-los?

Para evitar esses riscos no treino

Vou dar algumas dicas de como você deve proceder para ter o melhor benefício da atividade física possível:

– Se você tem problemas de saúde, busque profissionais especializados para treiná-lo;

– Pergunte para diferentes profissionais (cardiologista, nutricionista, Personal Trainer, endocrinologista e etc) como realizar os treinos e as dietas durante o dia-a-dia. (Um ponto interessante aqui, as pesquisas evoluem muito e as opiniões aqui podem variar as vezes, procure um profissional de sua confiança, mas sempre escute todos os outros profissionais das outras áreas. Profissionais que fazem trabalhos mútuos também são interessantes nesses casos);Perigos da atividade físicaris

– Controle, mensure e examine. Se você tem problema de pressão, por exemplo, verifique como está sua pressão antes da atividade, durante e depois. Verifique com seu professor e com seu médico se aqueles números são os esperados. Hoje em dia temos muita tecnologia que controla o estado do seu corpo na atividade, pressão arterial, frequência cardíaca, glicose e colesterol. Podem ser medidos em segundos;

– Treinar sozinho só quando estiver bem informado e com menores riscos à saúde, sempre seguido o treino do seu professor;

– Não esconda seu estado de saúde do seu treinador, indiferente do seu objetivo.

Portanto, não deixe de treinar se você não está sentido os benefícios. Talvez você possa não estar fazendo adequadamente. Você pode ler mais sobre os benefícios da corrida e da musculação aqui no HdT.

Agora você já conhece alguns riscos no treino que deve ser evitado. Gostou? Compartilhe, siga nossa FanPage e…

Bom Treino

Sobre o Autor

Personal Trainer e empreendedor. Treino é mais do que um vício: é um estilo de vida para mim! Precisando de Personal Trainer? Clique Aqui CREF: 0859033-G/SP